Quem Somos | Comercial | Diretoria Adjunta | Mantenedores |  Parcerias  | Agenda do Presidente | Imprensa | Contato | Editorial |
HOME | NÚCLEO OPERACIONAL
 


ANTT inicia fiscalização por excesso de peso na BR 163
03 de Outubro de 2018 - 13:20 horas / Pé na Estrada

Nesta segunda-feira (1º), começa a fiscalização por excesso de peso com aplicação de multas da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) no Posto de Pesagem Veicular na BR 163, em Rondonópolis, no km 108.

 

A unidade foi construída pela Rota do Oeste e tem como objetivo monitorar os veículos de carga com excesso de peso na rodovia. Além da ANTT, atuarão no posto outros órgãos de fiscalização, como o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar e Secretaria de Estado de Fazenda de Mato Grosso (Sefaz).

 

O gerente substituto de fiscalização da ANTT, Maurício Ameomo, explica que o posto tem como objetivos principais a segurança dos usuários na rodovia e a conservação da pista, uma vez que veículos sobrecarregados contribuem com o desgaste do pavimento, surgimento de rachaduras, entre outras deformidades.

 

“A ANTT fez um levantamento que indicou que se se todos os veículos de carga trafegassem no limite de peso indicado, seria possível, no mínimo, mais de 10 mil viagens realizadas pelas rodovias do país”, acrescentou.

 

Como funciona a fiscalização?

O posto de pesagem conta com duas balanças aferidas e aprovadas pelo Inmetro e ANTT. Na primeira, a ‘seletiva’, a fiscalização é dinâmica e não há necessidade de parada pelo motorista. Por meio de sensores localizados às margens da pista, a quantidade de carga transportada é pesada, conforme o modelo do veículo e sua capacidade.

 

Caso seja identificada a possibilidade de sobrepeso, é emitida sinalização específica e o condutor orientado a direcionar-se para a segunda balança, que efetuará a medição do peso exato do veículo.

 

“Existe uma margem de tolerância de 10% que varia conforme o modelo, classe, quantidade e grupo de eixos de cada tipo de veículo em circulação. O condutor que estiver transportando carga acima deste limite será autuado e orientado a fazer o transbordo ou remanejamento dos produtos”, pontuou o gerente da ANTT.

 

A fiscalização no posto de pesagem de Rondonópolis será executada pela equipe técnica da ANTT da regional Centro Norte e profissionais de outras unidades do país que trabalham com posto de pesagem em rodovias.




NOVIDADES