Quem Somos | Comercial | Diretoria Adjunta | Mantenedores |  Parcerias  | Agenda do Presidente | Imprensa | Contato | Editorial |
HOME | NÚCLEO OPERACIONAL
 



Estado faz força-tarefa para reduzir os roubos de carga
02 de Outubro de 2017 - 04:42 horas / Gazeta de Taubaté

Diante da alta no número de roubos de carga, modalidade criminosa que registrou elevação de 92,68% na RMVale nos últimos dois anos, forças de segurança prometem combater os casos no Estado, por meio de parceria com entidades ligada ao setor.

 

No Vale do Paraíba, entre o período de janeiro até agosto de 2017, foram 158 casos, um número 17,03% mais elevado do que em 2016 (135 assaltos no mesmo período) e 92,68% acima de 2015 (82 casos nos oito primeiros meses).

 

Jacareí é a recordista de casos no Vale, com 55 ocorrências (96,4% de alta na comparação com 2015), seguida por Pindamonhangaba (30 casos no ano), São José (19), Caçapava (14), Taubaté (11), Lorena, Aparecida e Lavrinhas (6, em cada uma delas).

 

Entre 2015 e 2017, a taxa de cargas roubadas no Vale teve o triplo de crescimento que o Estado registrou — teve elevação de 30% neste período, indo de 5.592 para 7.281 casos. Já de 2016 a 2017, subiu 18,89%. Nesta semana, o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, firmou um protocolo de intenções com a Federação e o Sindicato das Empresas de Transporte de São Paulo.

 

A meta é realizar estudos em conjunto para futura celebração de acordo de cooperação para cessão de dados e imagens. “A principal intenção é a união de esforços do poder público, juntamente com a Federação e o Sindicato, para disponibilização de dados e imagens que contribuam no combate a este crime”, disse.




NOVIDADES