Quem Somos | Comercial | Diretoria Adjunta | Mantenedores |  Parcerias  | Agenda do Presidente | Imprensa | Contato | Editorial |
HOME | NÚCLEO OPERACIONAL
 


Obras em rodovias injetaram R$ 41,4 milhões nos municípios
19 de Janeiro de 2017 - 04:28 horas / Governo do Estado de S. Paulo

As obras e serviços do Rodoanel Norte, localizado na Região Metropolitana de São Paulo, e da Nova Tamoios Contornos, no Litoral Norte, geraram uma receita adicional de R$ 41.419.147,74, entre janeiro e dezembro de 2016, para os municípios onde os empreendimentos estão sendo implantados. O montante corresponde à arrecadação de Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN) que as cidades receberam em razão exclusiva dessas obras.

 

No total, a receita de ISSQN de 2016 superou a de 2015 em cerca de R$ 1,4 milhão. A parcela relativa aos impostos recolhidos pelas construtoras e prestadoras de serviços da Nova Tamoios Contornos foi de R$ 23.127.004,57, enquanto o Rodoanel Norte respondeu por R$ 18.292.143.17. Ambos os empreendimentos dedicam-se à implantação de novas rodovias estaduais e são conduzidos pela Dersa.

 

Se todos os recolhimentos anuais até dezembro de 2016 forem computados, o Rodoanel Norte e a Nova Tamoios Contornos já renderam, respectivamente, R$ 80,7 milhões e R$ 43,5 milhões aos municípios, totalizando a cifra de R$ 124,2 milhões.

 

Sobre o Rodoanel Norte
O Rodoanel Norte é a maior obra rodoviária financiada pelo BID. A rodovia terá 44 km de extensão e interligará os trechos Oeste e Leste do Rodoanel. Tem início na confluência com a Avenida Raimundo Pereira Magalhães, antiga estrada Campinas/São Paulo (SP-332), e termina na intersecção com a rodovia Presidente Dutra (BR-116). O trecho prevê acesso à rodovia Fernão Dias (BR-381), além de uma ligação exclusiva de 3,6 km para o Aeroporto Internacional de Guarulhos.

 

Sobre a Nova Tamoios Contornos
Dividido em quatro lotes, dois em Caraguatatuba e dois São Sebastião, o empreendimento integra um pacote de investimentos do Governo do Estado de São Paulo voltados ao desenvolvimento da economia e do turismo do Litoral Norte.

 

A rodovia criará uma nova alternativa para o acesso às duas cidades. O tráfego rodoviário, especialmente o de caminhões e as viagens de longa distância, será desviado da área urbana para a nova via perimetral. A rodovia reduzirá acidentes e aumentará a segurança para usuários, pedestres e ciclistas.




NOVIDADES