Quem Somos | Comercial | Diretoria Adjunta | Mantenedores |  Parcerias  | Agenda do Presidente | Imprensa | Contato | Editorial |
HOME | NÚCLEO OPERACIONAL
 


Vendas de caminhões recuam 3,9% no ano
06 de Novembro de 2017 - 04:51 horas / Automotive Business

As vendas de caminhões recuaram 3,9% no acumulado de janeiro a outubro sobre igual período de 2016, ao atingir as 40,39 mil unidades no período, informa a Fenabrave, federação que reúne as distribuidoras de veículos, em balanço divulgado na quarta-feira, 1º. Embora o segmento de pesados ainda registre volume negativo na comparação anual, o índice de queda é pequeno, indicando tendência de melhora.

 

Já no comparativo mensal, o mercado de caminhões mostra outro cenário, bem mais positivo: os emplacamentos de outubro cresceram 11,2% sobre setembro, ao passarem de 4,5 mil para pouco mais de 5 mil unidades. Na comparação com outubro de 2016, o aumento é mais expressivo, 47,8%.

 

No mercado de ônibus, houve alta generalizada para alívio da indústria, ainda que as vendas cresceram de forma leve, apenas 1,1% no acumulado, para pouco mais de 12 mil chassis contra os 11,9 mil do ano passado. No mês passado, os licenciamentos somaram 1,1 mil unidades, volume 5,8% maior que setembro e 54,5% acimado do apurado em outubro de 2016, quando o setor licenciou apenas 757 ônibus.

 

No geral, o mercado de veículos comerciais pesados registrou queda de 2,8% no acumulado de dez meses, somando 52,4 mil unidades, entre caminhões e ônibus. Em outubro, este volume foi de 6,2 mil, alta de 10,2% sobre setembro e de 49% sobre outubro de 2016.




NOVIDADES